Banhos de Som

Taças no banco do jardim

Um artigo interessante de divulgação a ler aqui: https://www.huffpost.com/entry/do-sound-baths-work-benefits_l_5e501917c5b629695f5a3779?fbclid=IwAR07Pzw95XldPHCvCBNYR64QD2ufFdIf4VfKcoBy25qwCdHWoNkc0js_OAA&guccounter=1&guce_referrer=aHR0cHM6Ly93d3cuZmFjZWJvb2suY29tLw&guce_referrer_sig=AQAAAE0FRViVBedC_ot35P-aTkCNkUhANobYoW2eX2exhrXtnhptOycymwxP6jdxtL5Ntzi8765GJmWrrJdLIt3K1v1eTTUt02EO26i7qk37-CySI7LFL_oczyYboM5WqtS64OkgssQpxD1LoHCmNl-9Jri8Tr5wVJW-Jh-MDldKN0yf

Veja os nossos separadores para meditação, mantras, massagem e banhos de som e agenda uma experiência.

Curiosidades Sobre Aplicações de Ondas de Ultra-Sons

Ondas sonoras de ultra-sons podem condicionar as opções feitas por macacos. A ler aqui, mas cuidado com generalizações: https://www.iflscience.com/brain/scientists-control-brains-of-monkeys-using-ultrasonic-waves/?fbclid=IwAR2OGOXvRR4B_YdRuR3liMjZjI60h9yS6YSubdICQDWvbbH4r1ozhJmqRWM

Curiosidades

1_5BWm5g2Hn_CGBZSQ_Z7sDQ

A voz é um bilhete de identidade, pois a voz de cada um é única e facilmente identificável. Mas nem sempre as vozes dos outros nos agradam. Conectar-se com a própria voz é balsâmico. A ler aqui: https://www.abc.es/bienestar/psicologia-sexo/psicologia/abci-algunas-personas-agrada-y-otras-molesta-202005260401_noticia.html?fbclid=IwAR33-ExdGYut_FdyZr-wpcZN1Ng5Axkd2e2MTw2R8J7xV11xOMdIwZv2s3Y&ref=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2F

Solstício

images

Sempre adorei o Verão, que hoje inicia com o dia mais longo do ano, essa absoluta plenitude da luz. Nada melhor que deixar-vos um mantra do Sol a ouvir aqui: https://www.youtube.com/watch?v=GJDRNyi5ELM

Bom solstício para todos!

Destralhe de Confinamento

O confinamento obrigou-me a trabalhar mesmo muito. Migrar para o teletrabalho de repente foi, digamos, intenso. Preparar material, dar aulas, pôr a família e os amigos a mexer-se em aulas de yoga via Zoom ou Meet, fora o que afinal também pode ser feito à distância em termos terapêuticos e organizacionais e que nunca tinha equacionado, foi toda uma curva de aprendizagem para usar um termo técnico.

No meio disso, meti mãos à obra na organização da minha casa. Sou uma pessoa organizada mas com quase 50 anos a acumulação é inevitável. Depois de roupa, passei para a parte mais aborrecida e difícil para mim que é a documentação: papelada como manuais de instruções de electrodomésticos que já ‘morreram’ e que foram para o lixo; digitalizei artigos e livros científicos que estavam em fotocópias e que agora até estão mais acessíveis numa pasta no computador podendo ter uma nova utilização; verifiquei que disponho de edições melhoradas de livros que já tinha e que por estarem em duplicado posso doar; manuais escolares que podem também ser doados a bibliotecas escolares; livros que não me interessam de todo mas que podem ser úteis a colegas ou amigos; maquetes que o meu filho já não quer e coisas que podem mesmo ir para o lixo têm sido uma constante nos últimos dias.

Francamente, estou surpreendida porque costumo fazer uma revisão de coisas pelo menos uma vez por ano, mas agora o ímpeto foi mesmo outro e fiquei espantada com o espaço que ganhei e com a quantidade de coisas que apesar de tudo tenho e de que não preciso ou que podem mesmo se úteis a outrém.

Isso obrigou-me ainda a redistribuir toda a documentação e os livros nas estantes, conquistando uma nova paisagem em casa sem ter mudado qualquer móvel, o que é uma experiência interessante e estimulante para o cérebro.

Experimente destralhar um pouco e verá que há sempre qualquer coisa que está a pesar na sua vida. E nós, do que precisamos, é de leveza.

Sugestões para Isolamento Social 2

Ao fim de duas semanas, as piadas começam rarear e começa a sentir-se o peso de uma estada forçada em casa. Eu tenho tido muito trabalho e assim continuarei porque terei que dar aulas à distância no terceiro período e preparar materiais para o efeito. Mas entretanto, enquanto decorrem reuniões à distância, pelo meio estou a aproveitar para limpar e arrumar a casa mais a fundo. Assim, entre as tarefas que me propus contam-se:

1 – Arrumar roupa em gavetas e armários segundo o método Mari Kondo. Já tinha feito isso para as minhas coisas pessoais, mas agora estou a estender a toalhas, lençóis e outra roupa de casa.

1.1 – Fazer uma triagem de coisas que já estão gastas, que já não servem ou que não uso. Eventualmente, fazer uma lista de coisas para comprar a seguir à triagem.

2 – Limpar uma assoalhada por dia de cima abaixo, incluindo por cima dos móveis e por baixo de camas e sofás. Se não der para limpar tudo num só dia, dividir em dois  – é o caso da cozinha, que tem sempre muita coisa para limpar, pois se quisermos esvaziar armários para limpar o pó às prateleiras temos que deixar secar e voltar a arrumar tudo de novo. Pode mesmo ocupar mais do que um dia ou dois.

3 – Pôr em ordem documentos e outra papelada – por exemplo, as coisas para a declaração de IRS.

4 – Fazer pequenas reparações tais como apertar parafusos que afrouxaram, colar coisas que se partiram mas de que gostamos.

Parece pouco, mas é o suficiente para ocupar o tempo de uma forma construtiva e que evita o loop constante pelas redes sociais. Fiquem bem!

 

Sugestões Para Dias de Isolamento Social

O meu pai foi capitão de uma companhia na Guiné durante a Guerra Colonial. A minha família teve sempre muitos militares, apesar de o meu pai ser miliciano e não militar de carreira. Sempre houve uma disciplina algo militar e histórias da guerra lá em casa, e nunca me esqueci de uma coisa: o meu pai, isolado com a sua companhia e rodeado de inimigos, nunca permitiu o abandalhamento da sua tropa. Os soldados tinham que estar limpos, arranjados, com as unhas cortadas. E eram mantidos ocupados com tarefas, umas rotineiras outras não. Era a forma de manter a auto-estima e a cabeça ocupada.

Assim, nestes momentos que vivemos e em que temos que estar em casa, não abandalhe:

1 – Tome banho e arranje-se para si, antes de mais, e para a sua família e comunidade, se o isolamento for acompanhado ou se tiver que trabalhar à distância.

2 – Trabalhe, se for o caso, preferencialmente à secretária ou numa mesa. Na cama ou no sofá pode ser bom mas também menos produtivo e assim define um espaço de trabalho claro. Defina também horários de trabalho e, se necessário, faça pausas a cada 20m’ ou meia-hora. Se não quiser definir horários, defina objectivos, ou horários com objectivos. No meu caso, tenho que corrigir testes e trabalhos, pelo que defino quantos vou corrigir hoje.

3 – Defina momentos de lazer no dia: ler, ver televisão, pltaformas de streaming, redes sociais, fazer um bolo, fazer yoga, meditar, jogar um jogo de tabuleiro com a família, enfim, o que para si puder ser considerado lazer.

4 – Limpe a casa e cozinhe. Podem ser actividades importantes para se manter ocupado e, se tiver crianças, envolva-as no processo, pois também é uma forma de as manter ocupadas fora de écrans, de as responsabilizar dentro de casa e também de as preparar para uma maior autonomia.

Manter rotinas é importante. Não deve ser algo obsessivo mas algo que nos vá ancorando. Ligue também com regularidade aos familiares e amigos, mantendo um contacto que é salutar para todos. E ria, sempre que possível, o humor faz milagres 🙂

 

 

Sobre o Silêncio

nature-benefits.jpg.860x0_q70_crop-scaleSobre o silêncio, esse bem tão necessário para ouvir bem, a natureza, a urbe, a história. A ler aqui: https://aeon.co/essays/why-we-need-an-absence-of-noise-to-hear-anything-important?fbclid=IwAR1DEB5KJBy2hYmxev_Z-78-50wyG1XJgv9yXl3Mj81k0UEs5cwpQq_2WzU

Quarta-feira de Cinzas

images

Estive durante estes dias de Carnaval com obras em casa. Assim, hoje, Quarta-feira de Cinzas, é dia de limpeza e arrumações. Uma boa maneira de iniciar a Quaresma, tempo de recolhimento, reflexão, meditação. Fica-se sempre um bocado desanimado com o pó das obras, que se infiltra nos mais recônditos interstícios, no trabalhão que dá a lavar e aspirar e a arrumar o que teve necessariamente que ser tirado do sítio. Mas limpar é sempre simbólico de uma limpeza maior, que uma organização exterior e interior com o propósito de ter tudo aquilo que era premente ser reparado, já arranjado e pintado, e que já está mais luminoso para a Primavera que não tardará a chegar, para a renovação e renascimento inevitáveis do ciclo do fim do Inverno. Não tenho cinzas, mas pó, transmutação não da queima mas do reboque e da lixa, o qual foi necessário no processo e que agora urge eliminar. Uma excelente Quaresma para todos.